Nossas Unidades
Unidade Perdizes
Unidade Itaquera

A A A
Notícias

FASM promove lançamento do livro ‘Ressonâncias Noturnas’

Data de publicação: 26/07/2017

Com destaque para a música, publicação se aprofunda no tema da noite como cenário para obras de muitos artistas

No dia 17 de agosto, às 11h, no Teatro Laura Abrahão, a Unidade Perdizes promove o lançamento do livro “Ressonâncias noturnas: do indizível ao inefável”, do professor Clovis Salgado Gontijo, formado em bacharelado em Música pela Faculdade Santa Marcelina em 1999.

O evento abarca em sua programação uma mesa redonda com mediação do Prof. Dr. Leonardo Martinelli (FASM) e participação dos pesquisadores André Rangel (UNESP), Helen Gallo (UNESP) e Henry Burnett (UNIFESP). E ainda apresentação de três noturnos de Almeida Prado, um dos principais compositores brasileiros da música erudita, por Constança Almeida Prado Moreno (violino) e Helenice Audi (piano).

Adaptada da tese de doutorado de Gontijo, a obra parte de uma análise das vias em que a negatividade da noite se constrói e se aprofunda, para em seguida visitar alguns “lugares” de valorização da experiência noturna, como as albas provençais, a mística cristã, a pintura barroca, a teoria do sublime, a arte romântica e, por fim, a música. A publicação faz parte da Coleção Filosofia, das Edições Loyola.

“Ao longo da história da arte ocidental, inúmeros artistas têm elegido a noite como motivo ou cenário para suas obras. Tal escolha contraria, à primeira vista, uma compreensão bastante difundida também no Ocidente, seja pela via da filosofia clássica, seja pela via da tradição judaico-cristã, na qual a noite e o obscuro aparecem como imagens do indeterminado, do vazio e do não-ser”, elucida o autor.


Sobre o autor

Professor assistente da Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia (FAJE), Clovis Salgado Gontijo possui dupla formação em Música e Filosofia: cursou bacharelado em Música pela Faculdade Santa Marcelina, e em Filosofia pela FAJE; mestrado em Música pela Texas Christian University (TCU), EUA e doutorado em Estética e Teoria da Arte pela Faculdade de Artes da Universidade do Chile.

Clovis Salgado Gontijo foi selecionado como bolsista da agência chilena Conicyt, onde desenvolveu sua tese intitulada "O motivo da noite: da esterilidade indizível à musicalidade inefável", sob orientação do professor Andrés Claro. Ao longo de um ano, contribuiu para a revista Família Cristã, com artigos dedicados a possíveis conexões entre arte e espiritualidade. Além de suas pesquisas orientadas à filosofia da música, à mística e ao pensamento de Vladimir Jankélévitch, Clovis também aplica seus conhecimentos a projetos ligados à formação de público e à sensibilização estética.


Serviço:
Quando: 17 de agosto de 2017, às 11h
Onde: Teatro Laura Abrahão
Endereço: Rua Dr. Emílio Ribas, 89 – Perdizes
Mais informações: 3824-5800
Entrada franca
 

Fonte: Unidade Perdizes